Terça-feira, 15 de Agosto de 2018

Buscar   OK
Mundo

Publicada em 04/05/15 às 11:55h - 766 visualizações
Papa Francisco abrir arquivos sobre a ditadura na Argentina

Rádio Eu Amo Jesus


 (Foto: Rádio Eu Amo Jesus)
04/05/15 -


O papa Francisco está muito ligado à Argentina, recebe pessoas relevantes desse país toda semana e tem um papel destacado, na sombra, na política de seu país natal. Agora Francisco decidiu ter um grande protagonismo no assunto mais delicado: o dos desaparecidos da ditadura.

O colaborador mais próximo do papa, Guillermo Karcher, o homem que ele costuma utilizar para enviar suas mensagens à Argentina, confirmou em uma entrevista à Rádio América que Francisco está disposto a abrir os arquivos da Igreja Católica sobre a ditadura argentina e já está sendo elaborada uma fórmula para isso.

A igreja foi chave porque era o lugar aonde chegavam as denúncias das mães e parentes de desaparecidos, e é provável que também se tenham conservado as gestões feitas pelos religiosos junto ao regime militar.

Na semana passada, Ángela Boitano, presidente da Agremiação de Familiares de Detidos e Desaparecidos por razões políticas, foi recebida pelo papa e anunciou que Francisco lhe garantiu que os arquivos serão abertos. Mas o Vaticano não quis confirmar nem desmentir.

Agora chega a confirmação oficial através de Karcher, responsável pelo Protocolo e na realidade o homem mais próximo de Francisco. "O desejo do papa é que se faça algo, e para tanto encarregou a Secretaria de Estado e se começou a trabalhar no tema da desclassificação dos arquivos do Vaticano relacionados à ditadura argentina", disse Karcher na rádio.

Essa associação acredita que o papa irá mais longe e colaborará para que a igreja argentina faça uma verdadeira autocrítica de seu papel na ditadura, quando muitos religiosos colaboraram com o regime, cujos dirigentes se declaravam católicos.

O papa, assim que foi eleito, recebeu críticas por sua atitude em 1976 em relação aos religiosos de sua congregação que foram sequestrados e depois libertados. Ele sempre afirmou que fez o possível para ajudá-los. "A vontade política do papa é clara, ele vai abrir os arquivos e promover a autocrítica", afirma Graciela Lois, uma das fundadoras da entidade que reclama a abertura dos arquivos.

"Boa parte da igreja, não exatamente Bergoglio, foi cúmplice da ditadura. A autocrítica é uma necessidade. Cremos que será feita. E confiamos em que a abertura de arquivos será útil para conhecer a verdade. Já foram abertas algumas coisas, e se houver um pedido de um juiz estão dispostos. O importante é que agora será feita de maneira generalizada. Dizem que estão dedicados a isso", afirma Lois. Por outro lado, o papa promove a beatificação de alguns padres assassinados pela ditadura.

Karcher afirmou que a abertura de arquivos é um "trabalho muito sério, que é ordenar todo o arquivo vaticano para que façam uma busca e se possa ajudar muita gente". "Vai levar tempo", admitiu, mas "o bonito é trazer à luz muitas situações que ficaram sem explicação."



Fonte Uol, texto com  adaptações
Tradutor: Luiz Roberto Mendes Gonçalves




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.


Clique para ouvir no celular

               

TODA SEGUNDA UMA NOVA MENSAGEM

 Acesse o canal do youtube para visualizar novos vídeos a cada semana: Maria Quiteria Magalhães

Peça seu Louvor

  • Maria Helena Dutra
    Cidade: Conselheiro Lafaiete
    Música: Deus do impossível
  • Cristiane Almeida Silva
    Cidade: Sao Paulo
    Música: Escudo da Voz da Verdade
  • Maria
    Cidade: Goiânia
    Música: Heshua
  • Gracy Mendes
    Cidade: Rio de Janeiro
    Música: Prioridade- Mirian Lima
  • Everton
    Cidade: Mãe do rio
    Música: Deixa eu te usa
  • Stephanny
    Cidade: Itaquaquecetuba
    Música: Deus é preciso de um milagre
Pastor Online

Pastora Helena Morini
 



A esperança dos justos é alegria, mas a expectação dos perversos perecerá.
 Provérbios 10:28
Filipe achou Natanael, e disse-lhe: Havemos achado aquele de quem Moisés escreveu na lei, e os profetas: Jesus de Nazaré, filho de José.
João 1:45
Ouvinte do Mês
  • Fabiana e Luciano
    Cidade: São Paulo/ SP
  • Joelma e Ravi com a visita da Pra. Helena
    Cidade: São Paulo
  • Helena / Genilsa / Márcia
    Cidade: Caieiras / SP
  • Helena - 04.2016
    Cidade: São Paulo
  • Roberta
    Cidade: São Paulo
Estatísticas
Visitas: 957509 Usuários Online: 83


Web Rádio | Pastor Online | Devocional | Espaço Mulher Cristã | Chat | Notícias Gospel | Entretenimento | Louvores | Roberto Kazuo | Egleysa Montarroyos
Copyright (c) 2018 - Rádio Eu Amo Jesus - Todos os direitos reservados